Redes Sociais

Nosso Whatsapp

 (66) 9 9603-6528

Encontre o que deseja

NO AR

2% Sertanejo

    Marcelândia

Igrejas atendem recomendação e suspendem cultos e missas por 30 dias em Marcelândia

Publicada em 22/03/20 as 00:32h por Cidade FM - 48 visualizações

Compartilhe
   
Link da Notícia:
 (Foto: Cidade FM)
Desde ontem, missas, cultos e outros eventos religiosos, de grande aglomeração, estão suspensos. Estas são algumas das medidas recomendadas pelo Ministério Público e acatado pelas igrejas, por conta da pandemia do coronavírus. A decisão foi tomada nesta quinta-feira (19), durante audiência na sede da Promotoria de Justiça com as lideranças religiosas.

Os representantes das igrejas evangélicas, católica e centro espírita, se comprometeram acatar a recomendação do decreto estadual e municipal com a suspensão de missas e cultos por um período de 30 dias podendo ser prorrogado.

De acordo com o Promotor de Justiça, Guilherme da Costa, todas essas medidas tomadas junto ás instituições religiosas visam a prevenção do coronavírus. As decisões foram alinhadas conforme decretos assinados na segunda-feira (16), pelo governador do estado e prefeito de Marcelândia.

Os decretos recomendam que eventos com mais de 50 pessoas sejam suspensos. E também que entidades evitem atividades que proporcionem aglomeração de pessoas, e com isso reduzir a possibilidade de disseminação do vírus que provoca a doença Covid-19 (abreviação da sigla em inglês, Coronavirus disease 2019). A ação é emergencial para os próximos 30 dias.

Contudo, claro, as igrejas permanecerão abertas para os fiéis que quiserem rezar [termo comum aos cristãos e espíritas] ou orar [evangélicos], desde que não haja aglomeração de pessoas.

Os líderes religiosos também concordaram sobre orientar os fiéis para que as orações passem a ser individuais e as atividades em grupo e com grandes aglomerações fiquem restritas, como forma de evitar a disseminação do (COVID-19).

Procurados pela nossa reportagem alguns líderes relataram o seguinte:

De acordo com Victor Feijó, pastor da Assembleia de Deus, Ministério de Madureira, a igreja vai permanecer aberta para as pessoas, mas somente para orações e visitas. Não serão realizadas celebrações.

O padre Rudi Feiden, Pároco da Paróquia Imaculada Conceição, anunciou a suspensão de todas as missas, por tempo indeterminado. A medida passa a valer a partir de sábado (20).

A Primeira Igreja Batista também suspendeu o culto presencial. Os cultos serão realizados online por meio do facebook.

A promotoria informou que participaram da audiência, representantes das Igrejas Católica (padre Rudi), Centro Espirita Fabiano de Cristo (Edna Valim), 1ª Igreja Batista (Clodoaldo Garcia), Batista Nacional Manancial (Derivaldo Silva de Jesus), Batista Nacional (Severino Rezende), Deus é Amor (Odenildo de Jesus), Igreja de Cristo Pentecostal Internacional (Anivaldo Rodrigues de Melo, das Assembleias de Deus, dos Ministérios; Belém (Noé Medrado), Madureira (Victor Feijó) e de Santos (José Carlos), Presbiteriana Renovada (Paulo Roberto), Igreja da Graça (Osvair Oliveira), Videira (Claudinei Ferreira da Silva), Quadrangular (Lais Andrade Menez) e Testemunhas de Jeová (Macilo Gonçalves).

Mais cedo, O Dr. Guilherme, também esteve reunido com proprietários de bares, onde foram alertados sobre as medidas de prevenção e controle sanitário relacionados ao Covid-19 (coronavírus). Participaram da reunião o Secretário Municipal de Saúde, Silas Rezende, Vigilância Sanitária, Simone Cristina e Diego Alcântara, o comandante da Polícia Militar (PM), Sarg. Alenilson Ferreira. O Poder Executivo foi representado pelo secretário de finanças Marcelo Cordeiro.





ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:


Nossos Parceiros

 
 
 

Nosso Whatsapp

 (66) 9 9603-6528

Visitas: 22822 |  Usuários Online: 8

Rua Osvaldir Prata Alves, 756, Centro - Marcelândia/MT CEP: 78535-000 - Todos os direitos reservados